BGC Rio 2017


Este fim de semana passado, aconteceu no centro de convenção da SulAmérica, a Brasil Game Cup, BGC, evento spin-off da BGS, a Brasil Game Show. E o Nós Nerds marcou presença nos três dias de evento e vamos dividir as nossas opiniões com nossos leitores.

O Local

Bem próximo a sede administrativa da cidade, o centro de convenção da SulAmérica é fácil de chegar, amplo e com espaço pra ampliar com a BGC.
Sendo a primeira Brasil Game Cup separada da BGS, era de se esperar um público bem dividido entre os campeonatos que ocorreram ao longo do final de semana, o que me deu a impressão se ter visto três dias de públicos diferentes.
Se os campeonatos estivessem distribuídos pelos três dias com semi-finais e finais, por exemplo, eu acho que ficaria quase impossível de se mover.

Exposição e Lojas

Logo na entrada, encontramos com a Game Escola, curso de programação a distância, que promete ao aluno criar seu primeiro game ou app em oito semanas.
Depois de lojas de camisetas e outros itens pra nerds encontramos a XFire, marca de produtos gamers com um preço bem acessível e com qualidade surpreendente.
Podemos destacar a parte de drones, onde os pilotos de corrida preparavam seus pequenos bólidos voadores para o show de manobras.

Games e Jogos

Como sempre a coleção particular do Marcelo Tavares (criador da BGS/BGC) estava presente na exposição Evolução do Videogame. Pudemos matar a saudade dos arcades em uma área destinada aos clássicos jogos eletrônicos que fizeram parte da vida dos old gamers. Podemos destacar a participação da Microsoft, que levou alguns Xbox’s One para o deleite da galera, inclusive um cockpit com Forza Horizon 3, na entrada do stand da Saraiva que também colocou micros a disposição para jogos de PC.

Indies

Como sempre os produtores de jogos nacionais tem seu espaço reservado para divulgar seus projetos. Conversamos com todos e esperamos em breve postar novidades na coluna Nós Indies.
Posso prever que estamos cada vez mais perto de uma grande produção de game no Brasil, pois cada vez mais talentos surgem, como os ganhadores da Brasil Game Jam, o time da Gamescola, que na BGC teve como tema o Rio de Janeiro.

Campeonatos

Na sexta feira, começamos com o campeonato de Overwatch, onde tivemos a vitoria do time Brasil Game House. No sábado, o campeonato de Dota 2 consagrando como campeões a equipe SG e-Sports, seguido de uma partida apresentação de HearthStone. No domingo, após o concurso de diário de Cosplay Zone Kinoplex, o IDM (Ilha da Macacada) venceu o Keyd Stars na final de CS:GO.

E Agora Jos… Ops, Marcelo?

A BGC Rio foi para o Nós Nerds um aquecimento, um teste sobre como devemos cobrir a BGS 10 nos cinco dias de evento, consegui entender como pode ser desgastante ficar circulando, conversando, agendando e produzindo material para o blog. Mas sem dúvida, o melhor foi poder participar desse grande evento, com meu parceiro Allen Mac Draoi e sua esposa Valéria, com amigos que se tornaram reais (antes só virtuais) como a Katharina e o Moacir e fazer novos amigos. Além de conseguirmos fazer a entrevista a seguir com o Marcelo Tavares, o criador da BGS e BGC, em exclusiva para o Nós Nerds, falando do possível (tomara, meu Deus tomara) futuro da BGC e da próxima BGS.

 

 

Logo Curti

Se você gostou deste post não deixe de registrar sua participação através de dicas, sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog e o canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook para acompanhar nossas publicações e ficar por dentro das notícias do mundo gamer, concursos e promoções!

Eduardo “Sgt Rock 1967” Rocha é o idealizador do Nós Nerds! Técnico em informática e gamer inveterado e veterano.