Spintires: Mudrunner – Patinando na Lama – Review


Aqui no Nós Nerds, gostamos de fazer análises só de games que jogamos bastante, de preferencia, com muitas horas nas costas, terminados e até miletados. Infelizmente, não foi o caso de Mudrunner. O jogo passou na mão de dois membros do blog e nenhum deles conseguiu jogar muito. Não estou dizendo que o jogo é ruim, pelo contrário, ele é único e muito bom no que se propõe, mas o estilo não nos agrada. Agora, se você tem vontade de saber como é difícil dirigir e manobrar uma carreta na vida real sem o risco de quebrar tudo em volta, essa é sua oportunidade.

 

O Que é?

Um simulador de caminhões em um mundo aberto de terrenos difíceis que se passa na Rússia, mesmo país do estúdio que desenvolveu o jogo. O foco aqui é a palavra “simulador”, ou seja, ele preza pelo realismo, física e atenção aos detalhes. Não espere ação, muito menos velocidade ao volante. Foi difícil passar dos 50 km/h.

O ritmo me lembrou os primeiros Flight Simulators de PC, onde você levava no jogo o mesmo tempo que na vida real. Isso exige um nível de dedicação que não tivemos.

 

 

Qual a História?

Se existe uma história mais profunda do que “pegue a carga daqui e leve para lá” ou “reboque esse caminhão do ponto A para o ponto B”, não chegamos a descobrir. O jogo parece ser uma sequencia de missões, durante as quais você desbloqueia novos veículos.

Como é a Jogabilidade?

Digna de um simulador. Com milhares de comandos, menus, opções e coisas para fazer ao mesmo tempo. Desde soltar o freio de mão e tocar a buzina até prender o engate da carreta que você vai puxar, o qual você precisa fazer manualmente. A curva de aprendizado é longa e tem muita coisa para lembrar e decorar.

Tem Itens para Serem Coletados?

Além dos caminhões e outros veículos a serem desbloqueados, notei que existem alguns pontos de interesse para serem encontrados.

Como São os Gráficos e o Som?

São bons, mas nada demais. Há alguns detalhes interessantes como a “física da lama”, na qual ela muda e se move de forma bastante realista. Também nota-se um primor nos detalhes dos caminhões. Já o cenário e a vegetação parecem meio genéricos e repetitivos, mas não passei da primeira fase.

Como São as Conquistas?

Não cheguei a jogar o suficiente para saber, mas elas parecem bem trabalhosas de serem conquistadas. Por outro lado, esse é um jogo difícil que exige paciência e dedicação, logo, as conquistas são bastante coerentes nessa linha.

Última Dica!

O jogo parece muito divertido no trailer. Essa foi minha impressão. Mas lembre-se que ele é um simulador, muito detalhado e bastante preciso. A curva de aprendizado é muito íngreme, ainda mais se você nunca dirigiu um veiculo pesado na vida e nunca enfrentou uma estrada de terra cheia de lama. O jogo desenrola lentamente, vai exigir muita atenção e te penalizar pelos seus erros. Como disse antes, não é nosso tipo de jogo, mas se você se sentiu atraído pela proposta e curte esse estilo de jogo, não há nada igual por aí.

Você já tinha ouvido falar de Mudrunner? Pretende jogar? Se já jogou, o que achou? Me manda uma mensagem no Twitter ou nos comentários e vamos falar mais sobre isso.

 

Logo Curti

Se você gostou deste post não deixe de registrar sua participação através de dicas, sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog e o canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook para acompanhar nossas publicações e ficar por dentro das notícias do mundo gamer, concursos e promoções!

Christian “Chrizeba” Bernauer é colaborador do Nós Nerds, gamer de coração, geek em tempo integral e pai entusiasmado.