TOP 5 Nostálgico – Games de Atari 5


atari
 

Olá pessoal do Nós Nerds, hoje é minha estréia como colaborador do site então pensei: Se este é o início, por que não começar pelo meu início na vida Nerd? Trago-vos o meu TOP 5 dos melhores games de Atari que foi o primeiro console da minha vida! E como a vida não é só de flores, nessa época os games eram feitos para fazerem o jogador perder e não para ganhar! Mas graças a esses games devemos tudo ao que a indústria de jogos são o que é hoje em dia e, graças a eles, também aprendi a não desistir nas piores dificuldades da vida!


Megamania ingame
 

1 – Megamania“Era muito bom ligar o Atari e ouvir a musiquinha inicial”.

 

Acho que nostalgicamente podemos dizer que os jogos de nave no Atari foram marcos e, talvez a primeira coisa que vem na cabeça quando entramos no assunto. Devo fazer uma menção honrosa ao “Asteroids”, ou o clássico precursor “Space Invaders” que estão repletos de resenhas por aí, mas Megamania conseguia prender o jogador não só pelo desafio, mas também pelas naves coloridas e estranhas que vinham com o passar das fases. Era engraçado ver os colegas falando que só foram até a “fase dos tijolos”, “sanduíches”, “parafusos”, “roscas” ou “porcas voadoras”, como eram chamadas as loucas naves alienígenas. No jogo nossa nave possuía o visual bacana da USS Interprise (Jornada nas Estrelas).

 


pacman capa pacman ingame

2 – Pac-Man“Vulgo come-come (sim, o da pipoca do saco rosa) ou comilão”

Nos anos 80, além do desenho animado no programa ZYB Bom, era possível jogar esse mais popular clássico, “supermegafucking clássico dos clássicos” (risos). Nele, Mr. Packman sempre usava suas “pílulas de força” contra os fantasmas que queriam descobrir e se apoderar da floresta secreta de pílulas de força e os colocava na cadeia. O formato do Mr. Pac-man no jogo foi uma ideia entre amigos japoneses que comiam pizza onde Toru Iwatani (criador) o visualizou após a retirarem o primeiro pedaço.

E aí? Que tal comer uma pizza enquanto tenta virar o jogo com a pontuação máxima de 3.333.360 pontos como Billy Mitchel após passar 256 fases diferentes? Agora imagine fazer isso sem perder nenhuma vida como ele fez!!?? KAWABUNGA!!!

 


seaquest capa  seaquest ingame
 

3 – Sea Quest“Esses peixes aí? P/ destruir meu submarino tinha que ser pelo meno uma baleia e não um tubarão! *magoei*”

Agora a coisa começa a ficar mais séria, os jogos já possuem muito mais funções e por isso podem ser considerados não só os melhores por serem clássicos simples e desafiadores, mas também os mais bem feitos. Em Sea Quest você salva mergulhadores, se preocupa com o oxigênio (precisa levar os mergulhadores e recuperar oxigênio na superfície) e além disso, destruir tubarões e submarinos inimigos ao longo das fases com seus torpedos. Seu criador é Steve Cartwright (também criador de Frostbite e Megamania supracitado) ao atingir a marca de 50.000 pontos, ele optava por entrar no “Sub Club” e ganhava um adesivo de condecoração da Activision. Esse era um dos jogos que eu mais gostava, o submarino era estranhamente amarelo, vale lembrar a referência com os Beatles e fazer a nova geração conferir!

 


pitfall capa pitfall ingame
 

4 – Pitfall“Vulgo: jogo do Tarzan, Jungle Boy, Pantanal e Aventuras em Tongo Bongo”

Vai me dizer que quando ele pegava o cipó e a musiquinha tocava você não pensava que era o grito do Tarzan? Mas não, não é o Tarzan e sim um caçador de tesouro como Indiana Jones, Lara Croft ou Jonny Quest. Este jogo teve o Concept Art e ideias criado em 10 minutos por David Crane em apenas uma folha em branco e, foi o segundo mais vendido, perdendo apenas para o Pac-man supracitado! O jogo já foi usado no Call of Duty – Black ops 2 (mapa Nuketown 2025) onde o jogador podia invadir uma casa aberta e jogar games da Activion de forma completa, o problema era tomar um balaço no meio do jogo (risos). O objetivo era coletar 32 tesouros em 20 minutos e juro que só no mês passado com quase 35 anos que eu vim saber disso.

 


river raid capa
 

5 – River Raid“Como assim que eu não posso sobrevoar os campos verdes!!?? *Magoei*”

Aqui venho homenagear as maravilhosas mulheres com um jogo inovador (na época) criado por uma delas: Carol Shaw (Gamedesigner formada em Ciências da Computação). O interessante é que além de ser o primeiro jogo fora da linha monocromática e possuir cores, ele conta com redução e aceleração de velocidade do seu avião. A ideia do game é dominar um rio importante numa guerra entre dois exércitos, cujas pontes são o “checkpoint”, é necessário observar o combustível e sempre repor ao sobrevoar os galões ao longo das fases. Helicópteros, navios e aviões inimigos tentarão impedir seu percurso, mas nada que o seu tiro infinito não resolva. Ironicamente, mesmo tendo sido feito por uma mulher, sua temática violenta e sua capa com desenhos de guerra o fez ser banido da Alemanha.

Espero que tenham gostado da resenha e desde já agradeço por fazer parte da equipe!

Allan do Vale Canalini Neuma, ou “Allen Mac Draoi” da Xbox Live é colaborador do Nós Nerds! Dono do site Dw. Nerd do Facebook, Gamedesigner e youtuber gamer nas horas vagas. Quase Biólogo, Druida, gótico, meio artesão, RPGista (que possui módulo próprio) e Produtor do Hidromel artesanal Poção Druida (face). Fora essa sua identidade secreta, desempenha diariamente a função de Analista de Crédito.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 pensamentos em “TOP 5 Nostálgico – Games de Atari