Top 5 – Seriados


Se você é como eu e adora seriados de ficção, aventura, ação, suspense, terror, mistério e se sente um “pinto no lixo” ao “ciscar” no Netflix ou qualquer aplicativo do gênero, você deve estar interessado por este post.

Hoje venho com este opinar sobre alguns seriados que estão fazendo parte das nossas férias (eu e a esposa) e também advirto a possibilidade de spoilers na ambientação de alguns. Nestes seriados, você pode até “torcer o bico”,mas nenhum será tão ruim (mesmo o mais clichê) que não lhe passe algum interesse sobre o tema e assuntos abordados:

 

Luke Cage – Uma das melhores adaptações dos quadrinhos que já vi!

O seriado conta inicialmente com a trama envolta de mistérios devido a morte acidental de um senhor, cabeleireiro e amigo de nosso protagonista onde, em um tiroteio, a bala possa ter ricocheteado em seu corpo invulnerável antes de acertá-lo. Com o desenrolar da história, além do personagem ter que lidar com sua possível culpa ou a do traficante/chefe da máfia local, podemos entender um pouco como é a vida de um negro nascido no bairro Harlem nos arredores de Manhattan (Nova York).

Mais alguns episódios depois (tudo muito de forma homeopática), vimos o personagem no seu background tão esperado onde após ter sido preso sem culpa, foi obrigado a participar de lutas. Após isso, foi alvo de uma covarde traição onde foi cercado por presos armados com faca e ao se defender muito bem (mas não o suficiente), quase morreu. Foi levado para em uma experiência de cura. O restante é melhor vocês verem por que já falei demais… Vejam! É muito bom meeesmo!

 

As Crônicas de Shannara – “Oh loko! Queria que o nosso mundo ficasse assim tb!”

Imagine que algo aconteça ao nosso mundo atual e toda tecnologia de ponta seja varrida da face da terra e uma nova época medieval aconteça em cima das ruínas do mundo humano? Imagine que por algum motivo, outras raças venham e convivam com o remanescente da raça humana em centenas de anos a frente, tudo isso misturado a magia do mundo de Tolkien?

Taí esse interessante seriado, cuja miscelânea por conta própria só teria uma explicação lógica ao meu ver: Explosão do acelerador de partículas, que engole o nosso mundo e ao mesmo tempo abre um portal interdimensional e forma um mundo paralelo para explicar esse mix todo… Mas será que muita coisa vai ser explicada nos próximos episódios? Estamos aguardando a segunda temporada! Mas é garantida a diversão para quem curte fantasia, RPG, aventura, teorias, gênero pós-apocalíptico e, como eu principalmente: DRUIDAS (risos). Posso dizer que com meu apelido “eu estou” no seriado roubando a cena com várias magias e sabedoria na pele do Druida que cujo nome (quem diria) é Allanon (risos). Será que é mera coincidência com meu nome real, ou só mais uma possibilidade/versão minha dos multiversos? (mais risos)

 

Um Drinque No Inferno – “Seriado tão bom quanto o filme! Talvez até melhor!”.

Dois irmãos bandidos, uma fuga, um xerife cowboy com senso do dever, uma deusa reptiliana disfarçada de cafetina e seu culto vampírico.

Resumindo, esse é o início do seriado quase idêntico ao filme e que não vai lhe desapontar e ainda pode lhe fazer viajar em teorias do livro Eram os Deuses Astronautas caso você for antenado em assuntos do tipo que algumas tribos da antiguidade tiveram contatos com esses seres ou se você estuda alguns ritos folclóricos vampíricos Maias, Astecas entre outros da América do Sul. Para estes é um prato cheio de lazer, para aqueles que não, também é interessante.

Foi a primeira vez que vi vampirismo baseado em Mokolés* (se é que me entendem os mais nerds RPGistas de plantão). Há partes engraçadas também e muitas referências de filmes nerds como, por exemplo, o uso da Força… Mas não vou te dizer qual é Jedi (risos).

 

Travelers – “Ótimo seriado, ótimo pano de fundo, mas não vejo a hora de ver como é o futuro! Ôh danado!!

Imagina que você é do FBI e descobre que pessoas estão agindo estranhas em sua volta, começa a se sentir observado e, quando vai averiguar, está cercado e descobre que vai morrer… e morre? Agora vem alguém do futuro no momento exato da sua morte e toma sua vida para si? Loucura, não? Poderia acontecer, caso no futuro descubram uma técnica como voltar ao passado através da força da consciência… Em se tratando de que o universo é quântico, faz um pouco de sentido…

Enfim, no seriado, esses humanos remanescentes do futuro fazem isso para evitar as catástrofes que destruirão o planeta e boa parte da raça humana, porém (sempre existem os poréns), algumas complicações entre conciliar a vida de cada um e as missões, além de algumas coisas darem errado acabam se desenrolando no percurso…

Será que eles um dia voltam? Usam a técnica em crianças para mandar mensagens do futuro sem que elas morram (e também não se lembram do que falam) após isso. O bendito futuro em si, nunca mostram… O que deixa a gente um pouco frustrado e pensando: Será que é falta de verba? Mas quem sabe “futuramente” (risos). No fim das contas, vale a pena assistir devido a tamanha inteligência empregada na trama.

 

StrangersThings – “Crianças, Mistério, Bicicletas, Mistério, crianças, mistério, mistério,  mistério… Cadê o bicho?! Que diabos é isso?!”

Adoro crianças, adoro anos 80 (estilo da época do seriado), adoro mistério… Bem… Até o ponto em que o mistério não seja mais tão misterioso assim!! Posso dizer, até agora (eu disse “até agora”) que o seriado teve tudo para pescar fãs logo de cara, mas se tornou totalmente enfadonho por esconder demais o “x da questão”

Me parece que rendeu até o quinto capítulo sem sabermos quem diabos é essa menina, o por quê do poder que ela tem e que raio de bicho é aquele e o que tem a ver com a menina… Enrola tanto e embola um mistério no outro que resolvi ver depois… E já vai fazer UM mês! Eu esperava mais do seriado, mais dinamicidade, acho que vou ter que aguardar as próximas férias para vê-lo, uma vez que não me prendeu e eu vou ter que reduzir muito meu ritmo para adequar ao ritmo do seriado…

(*) Metamorfos de RPG (meio répteis, meio homens).

Espero que tenham gostado! Fiquem ligados amigos! Acessem também meu Facebook: https://www.facebook.com/dwnerd e o Youtube: https://www.youtube.com/c/allandovale sem antes esquecer (é claro) do que se pede aqui em baixo:

Logo Curti

Se você gostou deste post não deixe de registrar sua participação através de dicas, sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog e o canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook para acompanhar nossas publicações e ficar por dentro das notícias do mundo gamer, concursos e promoções!

Allan do Vale Canalini Neuma, ou “Allen Mac Draoi” da Xbox Live é colaborador do Nós Nerds! Dono do site Dw. Nerd do Facebook, Gamedesigner e youtuber gamer nas horas vagas. Quase Biólogo, Druida, gótico, meio artesão, RPGista (que possui módulo próprio) e Produtor do Hidromel artesanal Poção Druida (face). Fora essa sua identidade secreta, desempenha diariamente a função de Analista de Crédito.