29 de maio de 2024
Escute este Post
Notícias

Metaverso – Fabio Ema Cria mundos Virtuais

Fabio Ema é pioneiro na arte do grafite no Rio de Janeiro. Faz tempo que ele não realiza trabalhos presenciais ou encontra fisicamente com colegas de trabalho. “Hoje em dia, eu não sou mais real, vivo e trabalho no metaverso há quase dois anos“, brinca, sobre o seu trabalho como meta-arquiteto e sócio na MetaMundi Agência de Soluções em Metaversos, que trabalha com ativações de marcas nos mundos virtuais, por meio dos serviços de meta-arquitetura e design, gestão de projetos, agenciamento de espaços, real state digital e soluções tecnológicas, como realidade virtual e modelagem 3D.Metaverso. Imagem ilustrativa

Fabio é o responsável pela criação de tudo o que se vê por meio de óculos VR (realidade virtual) e telas de computador ligados no metaverso. Ele desenvolve projetos nos três maiores metaversos: Cryptovoxels, The Sandbox e Decentraland.

“Durante muitos anos, utilizei dois programas avançados para criar ambientes e personagens de videogames chamados 3d max e Zbrush” explica Fabio, um dos primeiros artistas urbanos a comercializar criptoartes no Brasil e premiado meta-arquiteto.

Fabio Ema participou em 2021 do primeiro concurso mundial de meta-arquitetos do cryptovoxels e ficou em segundo lugar, disputando com mais de 50 experientes artistas e equipes de todo o mundo. “Fui convidado pela agência MetaMundi para participar do maior projeto de minha vida que é a construção da ponte para o futuro, um dia todo os seres humanos vão ter avatares virtuais para trabalhar e se divertir e tenho muita alegria de ser um dos criadores desse novo mundo que se aproxima”, diz Fabio Ema.Metaverso. Imagem ilustrativa

Fabio Ema, um dos primeiros artistas a desenvolver projeção mapeada no Brasil, também teve importância na concepção visual da banda O Rappa, em toda a sua trajetória, e também assinou trabalhos para Ponto de Equilíbrio e Teatro Mágico.

A MetaMundi Agência de Soluções em Metaversos chega ao mercado com a união de dois empreendedores culturais: Byron Mendes, da Metaverse Agency e Steffen Dauelsberg, da Dellarte. Entre os trabalhos realizados, estão a flagship da TIM no BarraShopping, 100% imersiva, ativação da operadora Claro no metaverso durante o Natal Imperial Petrópolis, em dezembro de 2021, e a a Innovation Gallery durante a Rio Innovation Week, no Jockey Club Brasileiro.Metaverso. Imagem ilustrativa

Mais Sobre os Sócios

Byron Mendes tem experiência no desenvolvimento de projetos artísticos nacionais e internacionais. Em 2010, fundou a Galeria de Arte Kunst, com acervo de artistas de todo o país, dentre eles Cícero Dias, Carlos Vergara e Siron Franco. Também se dedicou à organização, curadoria e produção de eventos internacionais ligados a arte e cultura, em importantes cidades, como Frankfurt, Brasília, Nova York, Londres e Paris, além de exposições em galerias e instituições culturais nos Estados Unidos, Alemanha, Espanha e Inglaterra. Tem produzido exposições de arte-tecnologia em instituições como o Centro Cultural Banco do Brasil, Museu do Amanhã, MAC (RJ) e Museu da Imagem e do Som (SP). Com apenas um ano de existência, a Metaverse Agency foi responsável pelo primeiro espaço de criptoarte na 11ª edição da ArtRio, além do case de lançamento da artista Monica Rizzolli na Artblocks, onde sua obra, “Fragmentos de um Campo Infinito”, foi  arrematada por cerca de R$ 30 milhões em 32 minutos.

Metaverso. Imagem ilustrativa
Byron Mendes

A agência já fez o lançamento das NFTs de medalhistas brasileiros que participaram nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020; promoveu a colab entre o consagrado Carlos Vergara e o artista Alexandre Rangel; participou da Hamptons Fine Art Fair 2021, em Southampton/Nova York; produziu a instalação de Rejane Cantoni no CCBB/RJ, além de lançar obras de seus agenciados nas plataformas Makersplace, Tropix, Portions, Binance, Artblocks, Miintme, 9Blocks, entre outras.

“Estamos construindo parâmetros e referências que podem ser utilizadas para outras performances e projetos artísticos”, afirma Byron Mendes.

Metaverso. Imagem ilustrativa
Steffen Dauelsberg

Steffen Dauelsberg é economista pela UFRJ, com pós-graduação em análise de investimentos. Diretor executivo da Dellarte Soluções Culturais, uma das principais produtoras de Live Entertainment na América Latina, responsável pela programação brasileira na Expo Hannover 2000 e o Festival Brasil 500 em Londres. Realizou coproduções com Sadler’s Wells  (Londres),  Theatre du Chatellet (Paris), Deutsches Theater (Munique), Festivais Grec – Barcelona e Madrid, assim como co-producões com as Óperas de Oman e Bahrein, entre outros.

A empresa é “Key-Partner” na América do Sul da Silk Road International League of Theatres e também responsável pelos eventos de abertura do “Ano França no Brasil”, “Momento Itália”, “Portugal encontra o Brasil” além de diversos eventos comemorativos celebrando relações culturais, com Japão, China, EUA, Alemanha, Espanha, dentre outras.

Recentemente, produziu um ciclo de instalações de arte-tech nos principais museus e centros culturais brasileiros como Museu do Amanhã, CCBBs MIS -SP, MAC – Niterói, entre outros. A empresa realizou mais de 5000 apresentações ao longo de 40 anos, atendendo a um público superior a 2 milhões de pessoas.

“Nós, da MetaMundi, estamos descortinando o futuro para importantes marcas por meio de ações customizadas no Metaverso”, diz Steffen Daueslberg.

Informe Publicitário

Se você gostou deste post não deixe de registrar sua participação através de dicas, sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog e o canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook para acompanhar nossas publicações e ficar por dentro das notícias do mundo gamer, concursos e promoções!

Sgt Rock 1967

Eduardo "Sgt Rock 1967" Rocha é o idealizador do Nós Nerds! Técnico em informática e gamer inveterado e veterano.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.