23 de junho de 2024
Escute este Post
Notícias

Motorola Comemora 50 Anos da 1ª Ligação de Celular

No ano de 1973, no dia 3 de abril, Martin Cooper, ex-VP e diretor de P&D da Motorola, realizou a primeira ligação de celular do mundo. Ele usou um DynaTAC 8000X em Nova York, da 6ª Avenida

O espírito pioneiro da Motorola foi fundamental para a evolução da indústria móvel. Em 3 de abril de 1973, Martin Cooper, ex-VP e diretor de Pesquisa & Desenvolvimento da Motorola, usou o Motorola DynaTAC 8000X (na imagem acima, junto com um V3) para fazer a primeira chamada comercial de telefone celular na 6ª Avenida em Nova York. Foi um marco histórico para a sociedade, pois trazia a possibilidade de nos comunicarmos com qualquer pessoa, a qualquer momento, de qualquer lugar, sem depender dos telefones fixos ou ter que esperar um aviso de pager para não perder uma chamada.

“Desde então, houve um número enorme de inovações fundamentais, muitas criadas pela Motorola. Os primeiros 50 anos foram apenas o aquecimento e, com certeza, ainda haverá muitos avanços que transformarão a humanidade”, comentou Martin Cooper.

Desde o lançamento do DynaTAC 8000X até os dias atuais, a Motorola segue trabalhando para levar inovação com tecnologias e patentes que transformam a indústria e o mundo que conhecemos. Um exemplo é o primeiro RAZR V3, um dispositivo lançado no início dos anos 2000 em um momento em que o design na indústria móvel tinha se tornado previsível. Popular por seu visual e design fino, o RAZR V3 continua sendo até hoje uma peça tecnológica icônica.

Mais recentemente, em abril de 2019, o moto z3 combinado com os moto snapTM 5G se tornou o primeiro smartphone disponível comercialmente a se conectar a uma rede 5G. Desde então, a marca tem expandido a disponibilidade e democratizado o acesso à tecnologia de velocidade ultrarrápida para aparelhos em diversas faixas de preço.Motorola. Imagem ilustrativa

Ainda em 2019, a Motorola teve papel fundamental na criação de designs alternativos com o lançamento do primeiro smartphone dobrável em formato flip – o motorola razr – que possibilitou aos consumidores ter um aparelho compacto sem abrir mão das funcionalidades de uma tela grande.Motorola. Imagem ilustrativa

Outro dispositivo que mostra o comprometimento da marca com a inovação foi o “neckband”, um dispositivo 5G wearable que redefiniu o papel do smartphone, possibilitando a transmissão de conteúdos a telas mais imersivas à sua volta. Recentemente, a Motorola revelou um smartphone com o conceito rollable (rolável).Motorola. Imagem ilustrativa

“A inovação está em nosso DNA. Revolucionamos a indústria incontáveis vezes e queremos continuar a exercer esse papel fundamental de moldar o futuro”, falou Sergio Buniac, presidente da Motorola. “Olhando para a frente, estamos empolgados por poder testar as fronteiras da tecnologia móvel e dizer que a Motorola continua na vanguarda da inovação”, completou.

Informe Publicitário

Gostou? Deixe um comentário e compartilhe com amigos. Clique no Sininho vermelho e receba as novidades. Siga nosso canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook!

Sgt Rock 1967

Eduardo "Sgt Rock 1967" Rocha é o idealizador do Nós Nerds! Técnico em informática e gamer inveterado e veterano.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.