12 de junho de 2024
Escute este Post
EscritosPapo de Bar

Xbox Game Pass Core Assume o Lugar do Xbox Live Gold

Hoje, o Xbox Wire Brasil anunciou a morte do Xbox Live Gold. O serviço de assinatura da Microsoft que permitia jogar online e ainda presenteava o jogador, atualmente, com dois jogos mensais – antes eram quatro jogos por mês -, dará lugar ao Xbox Game Pass Core.Xbox Game Pass. Imagem ilustrativa

A nova faixa de assinatura do serviço Game Pass, chamada de Core, terá o preço mensal de R$ 34,99 e R$ 199,99 por ano no Brasil (Nota do Editor: Ou esse preço está errado na matéria ou vão vender/dar assinatura anual junto com novos consoles), o que torna a assinatura anual super atrativa.

O assinante do Core terá acesso a uma lista de 25 jogos, que serão trocados de duas a três vezes por ano. A Microsoft já oficializou 19 títulos iniciais do serviço, que podem ser vistos a seguir:

  • Among Us
  • Descenders
  • Dishonored 2
  • DOOM Eternal
  • Fable Anniversary
  • Fallout 4
  • Fallout 76
  • Forza Horizon 4
  • Gears 5
  • Grounded
  • Halo 5: Guardians
  • Halo Wars 2
  • Hellblade: Senua’s Sacrifice
  • Human Fall Flat
  • INSIDE
  • Ori & The Will of the Wisps
  • Psychonauts 2
  • State of Decay 2
  • The Elder Scrolls Online: Tamriel Unlimited

Estes jogos podem variar de acordo com a região e o tempo.

Xbox Game Pass. Imagem ilustrativaPara alguns fãs do “lado verde da força”, o fato de pagar para jogar online é muito ruim, pois jogadores de PC não pagam por esse serviço. Eu não sei explicar o porquê do usuário de PC não pagar, o que eu sei é que manter servidores ao redor do mundo não é de graça e, com certeza, não é nem um pouco barato. Então, antes de levantar a bandeira de jogar online de graça, era melhor levantar a bandeira de “PC pague para jogar o multiplayer”.

Todos os Planos de Game Pass

Além do novo plano de Game Pass, Core, continuam valendo os anteriores: Console (comumente chamado de Xbox Game Pass), PC e Ultimate. Esses planos não tiveram nenhuma alteração em seus conteúdos, como pode ser visto na imagem a seguir:Xbox Game Pass. Imagem ilustrativa

Então, qual seria a vantagem de criar um plano a mais em vez de simplesmente colocar o multiplayer no plano Console e deixar apenas três planos?

O Porquê das Mudanças?

Eu não tenho uma explicação oficial, mas posso tentar me colocar no papel da Microsoft e explicar (minha versão).

Para alguém que está entrando agora no mundo verde dos games, jogar online pode não ser algo tão chamativo. Coloque-se na posição de um pai que não joga, comprando um Xbox para seus filhos. Ele quer que seu filho se divirta, mas fique longe dos perigos dos jogos online (olha a influência de reportagens enganosas) ou até mesmo de pessoas que não têm a faixa etária deles ou qualquer outro problema inicial. O Core é bom, bonito e barato. Pelo valor de quase a metade de um jogo de lançamento, ele paga um ano de Core e terá de 25 a mais jogos durante esse ano.

Você pode me dizer que ele tem controle parental, limitação de conta e tudo mais, porém lembre-se de que coloquei como exemplo alguém que NÃO joga.

Mas tudo bem, e quem já joga? Quem já tem um Xbox One desde o lançamento em 2013, qual a vantagem para esse jogador continuar a ter o Core?

Meus amigos, nós sempre cometemos o mesmo erro ao pensar nos planos do Game Pass. A maioria pensa assim: Plano Core + Plano Console x 12 meses. E é aí que a coisa muda de figura. Pense em um jogador de Call of Duty (farei um texto assim que acabar a novela da aquisição) que só joga CoD. Que faz questão de comprar mídia física, pois tem uma coleção de caixinhas verdes de CoD. Ele compra o jogo, coloca no console e vai jogar feliz pagando o Plano Core. Não existe para ele a necessidade de ter novos jogos, inclusive ele provavelmente nem jogará os 25 jogos do plano, ele só joga CoD.

Mas para quem quiser jogar Starfield no primeiro dia? Paga um ou dois meses do Plano Console, joga o quanto quiser. Ahhhhh, mas se ele quiser continuar jogando por seis meses? Então é economicamente mais viável ele pagar o Plano Ultimate. Pois senão ele precisaria aprender mais sobre custo/benefício. Afinal, Core + Console é bem mais caro que o Ultimate.

Para quem acha que estou em uma viagem deslizante sobre uma pista de maionese, eu tenho amigos que não renovaram o Game Pass, pois estavam com uma lista de jogos comprados e não jogados de dar inveja. E eu sei que você, que joga há mais de dois anos, tem uns três jogos comprados em promoção que nem sequer foram instalados no seu console.

E um grande detalhe escapa da maioria dos jogadores: Façam pontos do Microsoft Rewards e renovem seus Planos sem custo.

Até o momento de publicar este texto, não havia informações no site do Xbox sobre os novos planos. Veja detalhes sobre a transição de Gold para Core no Xbox Wire Brasil.

Informe Publicitário

Gostou? Deixe um comentário e compartilhe com amigos. Clique no Sininho vermelho e receba as novidades. Siga nosso canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook!

Sgt Rock 1967

Eduardo "Sgt Rock 1967" Rocha é o idealizador do Nós Nerds! Técnico em informática e gamer inveterado e veterano.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.