17 de julho de 2024
Escute este Post
EscritosGames e Tech

Áudio Binaural – Entenda o Sucesso do Som de Senua

Já fazia um tempo que eu ouvia falar no Hellblade, Senua’s Sacrifice. Nunca tinha jogado, mas ouvia excelentes comentários a respeito. Uma das coisas sobre as quais sempre ouvi foi a respeito do sound design do jogo e de como a técnica de áudio binaural foi muito bem aplicada nele.

Até que tomei vergonha na cara e joguei. De fato, o áudio do jogo é bem interessante! Mas e o que diabos é esse tal de áudio de binaural? Nesse vídeo vamos falar sobre isso, falar um pouco sobre o jogo, sobre esquizofrenia e porque o áudio binaural foi uma ótima escolha para criar uma alucinação esquizofrênica.

Quem é Senua?

Primeiro vamos falar um pouco sobre o jogo. Ele se passa nas terras nórdicas do século oito e conta a história de Senua, uma guerreira viking que tenta salvar a alma de seu falecido amado da implacável deusa do mundo inferior viking, Hela. Uma grande característica de Senua é que ela é esquizofrênica. Obviamente, no tempo em que o jogo se passa, não se sabia sobre esquizofrenia. Senua acredita ser amaldiçoada por uma ‘escuridão’ que sempre a acompanha.

Audio binaural
Senua

Eu não sou profissional de saúde, nem psicólogo ou psiquiatra, mas fiz uma pesquisa antes de fazer esse vídeo. Em pacientes esquizofrênicos, alucinações auditivas são as mais comuns. E são as essas que acometem Senua. Ela escuta várias vozes no decorrer do jogo. Na maior parte do tempo, ela escuta ela mesma, dividida entre sua parte otimista e sua parte pessimista.Ora a voz diz que ela continue por um caminho que tudo vai ficar, ora fala pra recuar porque vai dar merda.

Escuta também a voz de um outro personagem chamado Druth, que foi um dos mentores que Senua teve. Todas essas vozes que a personagem ouve acabam funcionando como personagens do jogo.

O Que São Alucinações?

No livro Ciência Psicológica, os autores Michael Gazzaniga e Todd Heatherton falam o seguinte sobre alucinações: “alucinações auditivas geralmente são vozes comentando e descrevendo o que a pessoa está fazendo. Elas podem ser acusatórias, dizendo à pessoa que ela é má ou burra, ou podem ordenar que a pessoa faça coisas perigosas”.

“Alucinações auditivas acompanham a ativação aumentada em áreas cerebrais que também são ativadas em sujeitos normais quando eles travam um diálogo interno consigo mesmos.Isso levou à especulação de que as alucinações auditivas poderiam ser causadas por uma dificuldade de distinguir a fala interior dos sons externos”.

Áudio Binaural

Para recriar essas alucinações, o time de áudio de Ninja Theory utilizou uma técnica chamada de áudio binaural.O áudio binaural nada mais é do que uma técnica de espacialização de som, ou de áudio 3D. Se bem executada, uma gravação e implementação binaural so bastante realista!

Para entender como isso funciona, é fundamental entender como funciona a audição humana quando se fala de localização de som.Quando a fonte sonora está posicionada mais à direita do ouvinte, por exemplo, o som precisa viajar uma distância um pouco menor para chegar ao ouvido direito do que ao esquerdo.

Áudio binauralPor mais que isso aconteça, a gente não percebe nenhum atraso no som. Ou seja, ainda que o objeto esteja a nossa direta, percebemos o som chegando ao mesmo tempo nos nossos ouvidos, embora o som chegue um pouco mais rápido ao ouvido direito.Entretanto, por ter viajado uma distância um pouco maior, a onda sonora que entra no ouvido esquerdo, no caso desse exemplo, tem características diferentes da onda que entrou no ouvido direito.

Se viajou uma distância maior e, portanto, por mais tempo, perdeu mais energia. A “quantidade” (e quantidade entre aspas) de graves, médios e agudos é diferente. Além disso as ondas estão defasadas no tempo, já que a que entrou no ouvido direito chegou primeiro.

A técnica de áudio binaural trata justamente de reproduzir essas diferenças com que as ondas sonoras chegam aos ouvidos. Veja que não se trata somente de posicionar o som no canal esquerdo ou direito de uma gravação. Quando se faz isso, é claro que vamos perceber que o som está do lado direito ou esquerdo.

Por recriar as características da onda que ambos os ouvidos percebem, o áudio binaural soa muito mais realista e natural.

Mergulhando na Tecnicalidade

Entrando um pouquinho na tecnicalidade da coisa, essa percepção da espacialização do som por conta das diferenças entre a onda sonora do ouvido esquerdo e direito se chama HRTF (Head Related Transfer Functions).E o HRTF ajuda a calcular a diferença de tempo e volume percebidos entre os ouvidos esquerdo e direito. Isso é fundamental para localizar o som.

Áudio binaural
HRTF

Existem várias maneiras de se implementar o áudio binaural. A mais tradicional é utilizar uma cabeça de manequim com microfones instalados nos ouvidos. A Neumann comercializa um já pronto por sinal. Uma outra maneira é recriar isso é digitalmente. E aí é preciso calcular a porra toda: quanto de energia perde, que região do espectro perde mais, as diferenças na amplitude da onda sonora, e tudo mais.

Para o Hellblade, a equipe usou o modo mais tradicional, ou seja, usaram microfones mesmo para capturar o áudio. O fato é que, realmente, a escolha do áudio binaural foi muito adequada.

Como o sound designer tem bastante controle sobre a aparente distância do áudio, é possível recriar as alucinações auditivas como se elas estivessem distantes, o que ocorre quando Senua pensa que vê Dillion. Como também é possível deixar o som BEM perto, como se alguém estivesse sussurrando no ouvido do ouvinte, o que acontece quando Senua ouve as vozes da sua cabeça.

Como Tudo Isso Funciona no Jogo?

Um aspecto que eu achei muito interessante é de como o áudio ajuda na jogabilidade, principalmente no combate. No Hellblade, o jogador só consegue focar um inimigo de cada vez durante o combate. O jogo não tem nenhum HUD, nem mapa, nem radar, nem qualquer tipo de indicador na tela.

Áudio binaural
Gameplay do Hellblade

Então quando há mais de um inimigo no combate, caso um deles esteja flanqueando ou atacando por trás, são as vozes da cabeça de Senua que avisam isso ao jogador. E elas avisam a tempo de desviar ou defender. Isso sem contar as várias outras partes em que as vozes sussurram algo que o jogador pode usar como pista. E, como não poderia ser diferente em um personagem esquizofrênico, essas mesmas vozes às vezes também desencorajam o jogador.

Concluindo

Hellblade é um ótimo exemplo não somente de um áudio muito bem implementado, mas também de como o áudio contribui bastante para imersão e para jogabilidade. As pesquisas e avanços a respeito de áudio em jogos andam praticamente no mesmo ritmo do que gráficos e outras tecnologias.

E precisa ser assim! O áudio é algo MUITO poderoso para imersão, jogabilidade e tratamento dos afetos do jogador. Hellblade ta aí provando isso.

Então é isso galera, obrigado por ter assistido! Qualquer comentário será muito bem vindo e farei questão em responder!

Um abraço, e até mais!!!

Adquira já

 

Se você gostou deste post não deixe de registrar sua participação através de dicas, sugestões, críticas e/ou dúvidas. Aproveitem para assinar o Blog e o canal do Youtube, e participem do nosso grupo do Facebook para acompanhar nossas publicações e ficar por dentro das notícias do mundo gamer, concursos e promoções!

Felipe Grisi

Felipe "fGrisi" Grisi, músico, sound designer e gamer! Me adiciona na live e no Mixer (/FelipeGrisi) para trocarmos uma ideia!

One thought on “Áudio Binaural – Entenda o Sucesso do Som de Senua

  • Allan Draoi

    To doido pra jogar isso!!

    Resposta

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.